| 
  • If you are citizen of an European Union member nation, you may not use this service unless you are at least 16 years old.

  • Buried in cloud files? We can help with Spring cleaning!

    Whether you use Dropbox, Drive, G-Suite, OneDrive, Gmail, Slack, Notion, or all of the above, Dokkio will organize your files for you. Try Dokkio (from the makers of PBworks) for free today.

  • Dokkio (from the makers of PBworks) was #2 on Product Hunt! Check out what people are saying by clicking here.

View
 

FrontPage

Page history last edited by Reciclagem 13 years, 4 months ago

 

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL

FACULDADE DE EDUCAÇÃO

PEAD - 2009

 

 

PERGUNTA INVESTIGATIVA:

 

 

RECICLAGEM NA ESCOLA CONSTRÓI CIDADANIA?

 

 

 

 

 

 

 

UM PROJETO

PARA CONSTRUIRMOS JUNTOS  

 

 

 

 

 

 

COMPONENTES:

 

ANA MARIA ROSSI

ARTUR CRISTÓVÃO MADRUGA MARTINS 

 TALITA BELARDO

 

 

NOSSO TRABALHO:

(2°texto de autoria - produzido em 21/02/09)

               Quando falamos em cidadania, logo lembramos de política, de exercício de direitos, de cumprimento de deveres. É enxergando assim que a escola deve incentivar sua comunidade a pensar junto sobre seu papel como cidadão. Cada pessoa é responsável pelo espaço - no caso, seus terrenos, suas casas – que ocupa, mas os espaços usados por todos deve ser responsabilidade de todos. Antigamente, era comum que as famílias exigissem de seus filhos boas maneiras, educação com os mais velhos e que não fizessem certas coisas, como por exemplo, jogar lixo no chão. Hoje, o que vemos são pessoas que deveriam estar dando o exemplo jogando lixo nas ruas de qualquer jeito. Então, resta a escola construir junto com seus alunos e responsáveis por eles que participam junto à escola, a consciência de que ser cidadão também requer ter o hábito de conservar o meio em que vivemos. A escola não deve assumir o papel de educar no lugar da família, mas deve orientar para que certos valores não se percam em meio a esta confusão de conceitos que estamos vivendo no mundo todo.

              Durante o desenvolvimento do nosso projeto de aprendizagem, descobrimos que o assunto lixo pode se tornar mais complexo diante de termos que definem de formas diferentes os processos pelos quais o lixo que produzimos pode passar. O termo reciclagem que tanto ouvimos falar em todos os veículos de comunicação e que trabalhamos em sala de aula, deve abrir espaço para os termos separação e reaproveitamento. É comum ver nas escolas os latões para separar os diversos materiais que são recicláveis ou não (seco e orgânico), portanto, a importância de se trabalhar estes termos é justamente para mostrar que nossos alunos estão participando de um dos processos importantes que o lixo passa: a separação, para que tome seu destino e assim seja reaproveitado ou reciclado. Apesar de parecer que iremos gerar a maior confusão, estes termos são importantes para o trabalho que se segue nas linhas da separação, pois quando abordamos a geração de renda através do lixo, podemos encontrar o setor que se sustenta a partir da própria separação e venda de materiais; o setor que gera renda com o reaproveitamento de lixo – o artesanato, por exemplo – e o setor que dá, talvez, um último destino para o lixo, transformando-o em um determinado material com alguma outra finalidade, que é o setor de reciclagem, onde podemos ver uma lona velha, por exemplo, sendo transformada em mangueiras, garrafas “pet” sendo transformadas em fios que tecem tecidos, etc.

             É a partir do conhecimento concreto que podemos fazer com que não seja apenas mais um conteúdo trabalhado durante o ano, mas que nossos alunos tornem-se cidadãos conscientes e  multiplicadores de seus conhecimentos, fazendo com que a escola exerça seu verdadeiro papel: de espaço para a construção da aprendizagem. Assim como nós professores que também somos alunos e que estamos a cada dia, descobrindo novos caminhos, errando e acertando para que possamos sempre levar nosso trabalho da melhor forma possível, mas nunca completa, pois acreditamos que sempre teremos mais a aprender. 

 

 

 

Comments (0)

You don't have permission to comment on this page.